Novidades

11 de julho de 2017

O Patinho e sua Guitarrinha


O tempo passava e já estávamos a mais ou menos meia hora sem luz, pegamos então a nos contar piadas e casos um para o outro já que tinha tempo que não nos encontrávamos, foi quando uma luz surgi de um dos quartos da casa.


Estava eu na casa de um amigo as 11h da noite e jogávamos um jogo chamado Resident Evil 2. Na época eu tinha aproximadamente 14 anos e este meu amigo também. A gente estava vidrado no jogo pois já tínhamos o zerado uma vez com cada personagem e estávamos abrindo fases especiais e já estávamos praticamente na final de uma destas, quando de repente as luzes e todos os aparelhos eletrônicos desligaram, era um apagão, ficamos as escuras e muito putos da vida mais resolvemos esperar ate a luz normalizar. O tempo passava e já estávamos a mais ou menos meia hora sem luz, pegamos então a nos contar piadas e casos um para o outro já que tinha tempo que não nos encontrávamos, foi quando uma luz surgi de um dos quartos da casa,  ficamos ali tentando imaginar de onde ela vinha, meu amigo então se levantou, mas logo sentou pois o que vira fez com que suas pernas tremesse e abalasse na mesma hora,  como se estivesse hipnotizado ele permaneceu imóvel, foi quando tentei levantar e vi o motivo de seu susto a luz agora estava no corredor, e bem ali em nossa frente um patinho de pelúcia caminhava pelo corredor em nossa direção, ele tinha contigo uma guitarrinha de brinquedo que acendia a cada passo e cantava uma musiquinha que era no mínimo macabra para nossos ouvidos ,a medida que esta figura caminhava em nossa direção os pelos do meu braço iam se arrepiando e o suor surgia gota a gota de todo meu corpo, ele aproximou a mais ou menos um metro de distancia e voltou para o quarto. Ao entrar no quarto a luz voltou e tanto eu quando meu amigo saímos de algo que parecia um transe hipnótico. Na mesma hora fomos ate o quarto para ver onde estava a figura e esta já não se encontrava mais em movimento estava parada com a guitarrinha logo ao seu lado em uma das prateleiras de brinquedo do irmão mais novo de meu amigo.

Se copiar colocar devidos créditos.
http://horrorurbano.blogspot.com/
Escrita por : Glaucow Maciel Freitas